18
jan

Como tocar uma mulher durante a sedução

tocar uma mulher

 

Um homem que sabe tocar uma mulher da maneira correta possui consideravelmente maiores chances de conseguir beija-la ou até mesmo terminar a noite na companhia dela entre quatro paredes, isto porque os toques auxiliam a criar intimidade e tensão sexual na mulher, veja abaixo como usar o poder dos toques a favor da sedução.

O poder de tocar uma mulher e do contato físico na sedução

 

 

Saiba o momento ideal para tocar a mulher: Jamais toque uma mulher antes de ter criado certo grau de intimidade, os toques devem ser iniciados quando ela estiver começando a gostar da conversa. Comece com toques sutis no braço e observe se a receptividade dela foi positiva.

 

Não demonstre interesse físico: Você deve tocar a mulher de maneira casual, sem demonstrar interesse físico, não olhe para as partes do corpo dela, e no inicio da conversa, jamais toque em regiões íntimas como o pescoço, cintura ou no rosto.

 

Faça uma escalação física: Comece com toques sutis nos braços e ombros, depois gradativamente aumente a intensidade dos toques, até chegar em regiões como pescoço, boca e cintura, mais uma vez é preciso ressaltar a importância de prosseguir somente se ela estiver receptiva.

 

Toque de maneira envolvente: Quando a situação permitir, acaricie as mãos dela, passando a sua mão entre os dedos e no antibraço, toque no seu rosto com a parte posterior da mão e use o polegar para acariciar seu queixo.

 

Evite: Nem todas as mulheres gostam de ser tocadas nos cabelos, e na cintura somente quando estão muito atraídas.

 

Use o contato visual: Sempre que tocar uma mulher, olhe nos olhos dela, pois, além de demonstrar confiança, o contato visual poderá ajudar a criar um clima de sedução.

 

Respeite a mulher: Se ela recuar ou disser que não gostou de ser tocada em determinado lugar, respeite. A falta de respeito é uma atitude completamente prejudicial a sedução, pois além de diminuir seu valor como homem, poderá queimar seu filme com outras mulheres.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *